logo donadelas

Notícias & Negócios de 28 de novembro a 3 de dezembro de 2021

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Coluna semanal com informações na área de negócios, dicas, cursos, incentivos, para mulheres empreendedoras.

INSPIRAÇÃO

FINTECH SELECIONA

As mulheres já ultrapassam a marca de 30 milhões de empreendedoras no Brasil, contribuindo fortemente para a economia nacional. E, em estímulo a esse crescimento, a fintech Poupay+  fará uma seleção de empreendedoras que desejam compartilhar suas histórias com o objetivo de inspirar outras mulheres. “As mulheres são guerreiras natas. O que queremos é mostrar todo o seu potencial de empreendedorismo a fim de que as embaixadoras inspirem outras histórias de sucesso”, destaca Jean Malaquias, CEO da PouPay+.  A expectativa da campanha, segundo Malaquias, é selecionar cerca de 50 histórias de sucesso que ajudarão outras mulheres a superar os desafios do empreendedorismo.

POUPAY
Foto: Divulgação

 

INSCRIÇÕES

As interessadas devem correr, porque o prazo de inscrições termina na terça-feira, 30 de novembro. Para participar é necessário preencher um formulário contando por que você deveria ter a sua história de empreendedorismo contada pela marca. Depois disso, é preciso compartilhar o post da campanha nos stories e marcar ao menos três mulheres nos comentários no instagram da PouPay+ (@poupay.br). As selecionadas, além da publicação das histórias, ainda ganharão brindes da marca.

 

 

INOVADORAS

NA BAHIA

Um edital vai selecionar 100 projetos de mulheres inventivas baianas, de um  total de 203 projetos inscritos na primeira etapa do “Edital Inventiva”, que selecionou ideias inovadoras de mulheres empreendedoras e cientistas. O Inventiva, que tem o investimento de mais de R$ 1,6 milhão, é uma ação em comemoração aos 10 anos de políticas públicas para as mulheres no estado da Bahia. Além de fomentar o empreendedorismo feminino, o intuito é incentivar a criação de negócios inovadores geridos por mulheres baianas nas áreas de tecnologia e ciência.

 

WORKSHOP

O edital foi lançado em maio pela Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (FAPESB), vinculada à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI). As ideias que foram aprovadas para a segunda fase são 40% do interior e 60% da Região Metropolitana. Das propostas escolhidas, as áreas de maior destaque foram Tecnologia Social com 37%, Biotecnologia e Genética com 19% e Química e Novos Materiais com 8%. As mulheres selecionadas irão realizar atividade de capacitação, levantamento de informações, relatórios, participação em workshop de acompanhamento e divulgação de ações relacionadas ao Edital.

 

 

FEIRA EMPREENDEDORA

IMPERATRIZ

Em alusão ao Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino, transcorrido no último dia 19, será realizada nos dias 28 e 29 de novembro a Feira da Mulher Empreendedora, uma ação do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com apoio da Associação de Mulheres Empreendedoras de Imperatriz, no Maranhão (AMEI ) e da Jakaru Food Park, local do evento, das 18 às 23h. A iniciativa reúne 11 empresas lideradas por mulheres de diversos segmentos, com o objetivo de impulsionar o comércio, promover network entre as marcas e incentivar o empreendedorismo feminino na cidade.

imperatriz feira
Arte Divulgação

 

PRÊMIO

UNIVERSITÁRIO

O empreendedorismo pode ser ensinado e fomentado desde a fase de estudos regulares, e nesse quesito a Universidade Federal do Ceará (UFCE) tem sido um exemplo, com o Prêmio Universitário Empreendedor, que chega à sua quinta edição e está com inscrições abertas até a próxima terça-feira (30). O prêmio é promovido pelo programa de extensão Centro de Empreendedorismo (CEMP), da Universidade, com objetivo de identificar, dar visibilidade e reconhecimento a jovens empreendedores de instituições de ensino superior do Ceará, bem como valorizar a cultura do empreendedorismo inovador. Para participar, é preciso acessar o edital e preencher o  formulário eletrônicohttps://bit.ly/edital2021UE

premio universitário
Arte: Divulgação

 

ESPECIAL

CRÉDITO

Já pensou como seria se mais mulheres tivessem a oportunidade de conquistar um financiamento para empreender? Isso já uma realidade com a startup Criativ Bank, que tem à frente o empresário Joaquim Sarmeto, com soluções que que ajudam a estimular iniciativas das mulheres no universo do empreendedorismo. Ele explica que o Criativ Bank está focado especialmente nas artesãs. “O banco contribui oferecendo nano crédito para mulheres. Atuamos no início da jornada empreendedora de artesãs, para que elas desenvolvam seus negócios com o objetivo de gerar renda para suas famílias”, afirma.

Joaquim Sarmeto
Empresário Joaquim Sarmeto, do Criativ Bank Foto: Kauana Bechtloff/RPC

 

LINHAS REGIONAIS

Também em homenagem ao Dia Internacional do Empreendedorismo Feminino, comemorado em 19 de novembro, a área de finanças do portal Yahoo listou 5 iniciativas que ajudam a promover financeiramente mulheres que empreendem pelo Brasil. As cinco de maior relevância citadas pelo portal foram o “Fundo Dona de Mim”, o “Empreenda Mulher”, o “Crediamigo Delas”, o “Programa Accredito Mulher Empreendedora” e o “Banco da Mulher Paranaense”. Confira a seguir detalhes de cada um, todos eles também já noticiados aqui na coluna “Notícias & Negócios”.

 

FUNDO DONA DE MIM

Criado pelo Grupo Mulheres do Brasil (comandado por Luiza Helena Trajano), o Fundo Dona de Mim já contemplou empreendedoras de 300 cidades, em 25 estados espalhados por todas as regiões do país. O objetivo do fundo de crédito é impulsionar as microempreendedoras individuais (MEI) que foram impactadas pela crise social e econômica causada pela pandemia de Covid-19. Após o crédito ser aprovado, a microempreendedora tem 9 meses de carência para começar a pagar. O pagamento é feito em 15 parcelas, sem juros e tarifas. Os valores devolvidos são usados em novos empréstimos para que outras mulheres possam investir em seus pequenos negócios.

 

 

EMPREENDA MULHER

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, em parceria com o Banco do Povo, promove por meio da iniciativa Empreenda Mulher o acesso à linha de microcrédito a empreendedoras formais (MEI), informais (Pessoa Física) e donas de micro ou pequenas empresas de São Paulo. A linha de crédito é de até R$ 15 mil para PF e até R$ 21 mil para PJ (incluindo MEI). A carência para começar a pagar para PF e PJ é de até 3 meses e 4 meses, respectivamente. O prazo de pagamento é de até 18 meses para Pessoa Física e 36 meses para Pessoa Jurídica. Para poder solicitar o crédito, a empreendedora deve fazer um ou dois cursos do programa Empreenda Mulher, oferecidos em parceria com o Sebrae.

 

 

CREDIAMIGO DELAS

Lançado no último dia Internacional das Mulheres, o Crediamigo Delas é uma iniciativa do Banco do Nordeste para impulsionar o empreendedorismo feminino em todos os estados do Nordeste, além de empreendedoras informais ou microempreendedoras individuais (MEI) que residam no norte de Minas ou norte do Espírito Santo. O limite de crédito é de até R$ 5.000,00 com juros de 2,20% ao mês. A carência para começar a pagar é de até três meses e o prazo para quitar o empréstimo é de 24 meses. Para solicitar, as empreendedoras precisam ter conta no banco e se reunir em grupos de três a dez participantes.

 

 

PROGRAMA ACCREDITO MULHER EMPREENDEDORA

Lançado pela Accredito, plataforma de gestão de benefícios, o Programa Accredito Mulher Empreendedora busca incentivar mulheres proprietárias de pequenas empresas com linhas de microcrédito. O objetivo é auxiliar as empreendedoras na aquisição de mobiliários, equipamentos, ferramentas, insumos e capital de giro. O empréstimo é de até R$ 8 mil com taxas a partir de 1,37% + SELIC. A carência para começar a pagar é de 9 meses e as parcelas são de até 36 meses. Para solicitar, basta fazer o cadastro no site com os dados da empresa e ter em mãos os documentos necessários e aguardar a aprovação do crédito.

 

BANCO DA MULHER PARANAENSE

Criado em setembro de 2019, o programa Banco da Mulher Paranaense é conduzido pelo Fomento Paraná, instituição financeira ligada ao governo do estado. É voltado para empreendedoras informais, microempreendedoras individuais formalizadas (MEI), e microempresas com faturamento anual de até R$ 360 mil que tenham mulheres proprietárias de, no mínimo, 10% do capital societário. Os empreendimentos precisam estar localizados no Paraná. O limite de crédito é de até R$ 10 mil para pessoa física e até R$ 20 mil para pessoa jurídica com taxa de juros de 0,76% a 1,69% ao mês. A carência para iniciar o pagamento é de 3 meses, com prazo de quitação de até 36 meses, incluído o período de carência. 

Como você se sente após ler esse conteúdo?
+1
0
+1
1
+1
1
+1
0
+1
0

*Os textos de nossas colunistas são de inteira responsabilidade das mesmas e não refletem, necessariamente, a opinião da Donadelas.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos da Autora

Assine a nossa newsletter